Buscar

Nascemos para ser tocados


Você sabia que é possível ter orgasmos apenas com toques pelo corpo? Nascemos para ser tocados. Desde o primeiro instante das nossas vidas, o toque, o contato, o afeto, é algo absolutamente essencial para um desenvolvimento saudável.


Até uma pessoa "fria" irá concordar que um abraço e um carinho estão dentre as melhores coisas da vida. E se não concordar, essa pessoa provavelmente esteja ferida, escondendo na frieza, a falta ou o desejo desse toque, desse carinho.


Se pararmos para pensar, muito dos nossos desejos sociais, como uma reunião de amigos, um barzinho, uma noitada, ou um aplicativo de paquera, estão associados com a nossa necessidade de buscar algum tipo de afeto. O problema é que não temos muita consciência disso, e começamos a buscar algo que nunca encontramos, e entramos num ciclo vicioso, que não tem fim. Não quero aqui generalizar nada, mas é o que observei no meu próprio comportamento.


Quanto afeto você recebeu até hoje? E quanto afeto você doou? Tens ideia do quanto que isso interfere na sua vida?


O toque é um caminho para se conhecer melhor. Para entender suas angústias. Não é à toa que existem muitas terapias baseadas no toque.


No tantra, o toque é como uma chave, que abre portas. Quantas dessas portas você já se permitiu abrir?


Para mim, a melhor parte de uma sessão de tantra é a “Sensitive Massage” ou Massagem Sensorial, que consiste em um leve toque por todo o corpo. Essa técnica teve efeito muito positivo na minha vida, comecei a aceitar meu corpo, entender o quanto preciso de afeto e principalmente o quanto estive ferido. Nem tudo foi prazer e alegria, pois tive contato com angústias profundas, sendo que algumas eu nem me lembrava. Reviver isso tudo foi libertador, e hoje meu corpo responde ao toque de uma forma muito mais saudável, com entrega, sem medos. Com essa técnica é possível desenvolver uma grande sensibilidade corporal, de forma que é possível ter orgasmos apenas com toques pelo corpo! Sim é isso mesmo!


O corpo se lembra de tudo, e o toque reativa essas memórias. Só precisamos de coragem para olhar para dentro. Para dentro do corpo, para dentro do afeto. Nascemos para ser tocados.